abril 26, 2010

Para quê?



















Esperamos sempre!

Esperamos pelo fim do dia, pelo fim de semana, pelo fim do mês, por um final de ano.

Esperamos... pelo emprego que se sempre quis, pela casa que sempre se sonhou.

Espera-se pelo amor, por quem nos ame, por quem nos esqueça, por esquecer alguém.

Esperamos... sempre, mesmo que finjamos que não e que se diga que "não espero nada nem ninguém"

Esperamos o natal, a prenda na montra que sempre esteve lá e no dia que a decidimos comprar alguém já a levou!

Esperamos o Carnaval, de ser o que não se pode ser outro dia qualquer (ou não)

Esperamos o Verão para de seguida esperar o Outono.

Esperamos saúde, ser felizes, ser amados/as, amar, esperamos ter inteligência, esperamos
entender os outros (não é fácil, muitas das vezes).

Esperamos um mail, uma sms, um olá, um bom dia, um bom sonho, um bom acordar.

Esperamos um afecto, uma voz, esperamos ter saudades para que o abraço do reencontro seja mais reconfortante que o da ultima vez.

Esperamos que a casa fique paga, que o seguro não suba este ano, que a revisão do carro não seja cara porque não dá jeito agora.

Esperamos que acreditem na desculpa esfarrapada que inventamos por chegar atrasados.

Espero saber o que de mim queres...

Espero uma vida esperando que a morte tarde.

abril 10, 2010

Gosto...tanto assim!





""tanto que gosto assim, quando vens ter comigo, daqui a meia hora, não muito mais, saída desse sono do qual te puxei com a leveza que mereces. tanto gosto assim, melhor que ir buscar-te ou tu a mim, porque aqui fico pousado a olhar os peixes, os barcos e "as raparigas em flor". Nesta espera a fazer-se, o melhor do dia chegará contigo.""