março 17, 2010

Sei...













Sei,
Sei, que te devo agradecer!
Fazes-me pensar e não, não estou a ser original visto que já te disse isto hoje!
Sei que é bom ter-te, que posso contar contigo mesmo quando não digo nada de jeito

Sei pouco, mas quero saber tudo! e sei que isso nunca o vou conseguir!
mas há sempre uma estrada a ser percorrida! entre o pouco e o tudo
há que arrepiar caminho, aprendendo! ganhando experiência, viver, partilhar, errando.
sim, que a errar também se aprende
e vendo que felizmente, o tudo fica cada vez sempre mais longe!

Quero dizer-te que quanto mais aprendo mais duvidas tenho e desfazendo essas duvidas mais surgem
é como se eu desse uma informação a cinco amigos e esses cinco amigos a voltassem a dar a cinco amigos de cada um deles
e assim sucessivamente!!
Aprender é fantástico! é algo que se vai descobrindo
coisas pequenas que quando se pensa!!!
-Ah... afinal faz todo o sentido!
ou fico ainda mais confuso e passa a ser um objectivo desfazer essa confusão!
peças de puzzle que se encaixam, que vão construindo uma imagem que por mais simples que seja
se o puzzle não estiver completo não se sabe se é uma tulipa, ou uma galáxia!

Obrigado.

Obrigado por me deixares gostar de ti.
Obrigado por gostares de mim.

Obrigado por conseguires ter esse dom de leres os meus pensamentos
Obrigado por seres tu.
Obrigado por me ensinares!
Obrigado por aprenderes!
Obrigado por me fazeres sentir orgulhoso, pelas pequenas coisas que me dizes
que me fazem sentir tão grande!
Obrigado, pelos teus abraços, pelos teus beijos, pela tua atenção, pela tua companhia!
pelas tuas conversas, por ouvires as minhas historias.

E acima de tudo!...

Obrigado por me fazeres sentir tão bem!

A ti minha Moura encantada!

3 comentários: