abril 29, 2009

Que vida merece ser vivida???
























Que vida merece ser vivida?

Uma vida que começa que se sabe que vai ter Amor
e sabendo que vai ser olhado ser de modo diferente?

Ou uma vida que vem ao mundo com tudo o que tem direito
e vivendo num esquecimento constante?

Quem merece viver?
Teremos nós o direito de decidir?

Que vida merece ser vivida?

Alguém que vem ao mundo por um curto espaço de tempo
mas nesse intervalo faz com que a vida de alguém valha a pena?

Ou um ser saudável que chega para ser vitima de caprichos de
monstros?

Pergunto que vida merece ser vivida?

Um menino jamais verá a luz do dia
ou uma criança que viverá sempre nas trevas da ignorância?

Uma alma dentro de um corpo que chega e dá verdadeiros exemplos de vida
e coragem mesmo sabendo que a sua vida será breve?

Ou um corpo que a pouco e pouco lhe vão tirando a alma?
Com coisas que vê, sente na pele, coisa que nunca mas nunca
irá esquecer.

Que vida...merece ser vivida?

Seremos assim tão prepotentes que chegamos ao ponto de decidir
quem deve viver?
De prever o que irá acontecer?
De pensar pelos outros e não ser capaz de tomar uma decisão?
De tentar...ao menos...
Porque “ele” disse que seria melhor.
Porque não valia a pena..

O conhecimento, por mais que seja não nos torna senhores do nosso destino,
nem no destino dos outros.


(para que não haja mal entendidos nada tem a ver com a opção de abortar.
Não me venha cá com moralismos falsos ou não.
É um ponto de vista.

O meu.)

O jack.

abril 25, 2009

Desculpa!!!

























E eu a esperar....
a tentar imaginar a desculpa que iria arranjar desta vez

Desculpas... sempre essas que se pedem por tudo e por nada
uma forma que que inventou para se poder fazer algo errado sem
que seja punido ou castigado.

Diz-se algo errado:
-Desculpa não era isto que queria dizer.
Chega-se atrasado:
-Desculpa mas não pude vir mais cedo.
Traí-se a confiança:
-Perdoa-me... foi sem pensar.
Encontra-a com outro na cama:
-Não é isso que estás a pensar...
Seguindo-se um olhar profundo nos seu olhos ao que ela responde
olhando para o chão:
-Desculpa...
Antes de se perguntar a direcção para Coimbra a senhor que encontrou
à beira da estrada:
-Desculpe!!! podia-me indicar o caminho para Coimbra?
Ou numa discussão acesa em que na falta de argumentos se diz:
-Desculpa lá mas tu és burro que nem uma porta!!!

Desculpa...desculpas... desculpa...

Uma maneira que inventaram para se poder dizer as maiores
barbaridades, cometer as maiores faltas, chegar com horas de
atraso e com um simples pedido de desculpas tudo passa.
pede-se desculpa por isto e por aquilo...mas não se tenta
pensar antes de dizer algo que magoe que ouve.

Não... não é preciso...a seguir peço desculpa.

Estranho...
Quero ver quando um dia as pessoas irão ganhar coragem
e deixarem de ser hipócritas e cínicas,
e disserem:

-Não!!!.. não desculpo, pensasses antes.

O Jack

abril 24, 2009

Fantástico!!!



Que perfeito coração!!!....

abril 23, 2009

Inglório!!!....





Todos falam o gajo que chega em primeiro.
Que ocupa o primeiro posto do pódio aquele mais alto e que diz numero um...
elogiam-no... dizem que fez um bom treino que não foi em vão,
que esteve á altura do desafio, que fez por merecer a vitória, ou que teve sorte,
que é um leiteiro,
que a estrelinha dos campeões brilhou para ele,
que nasceu com o c* virado para a lua...

também falam muito do gajo que chega em terceiro lugar
que esteve bem, que se superou não se esperava isso dele
já que não se dava um "tusto" por ele.
que terceiro lugar é um bom lugar devido ao mau momento de forma que esta a atravessar,
que ao fim e ao cabo nem esteve mal.

Agora diga-me e quem chega em segundo lugar?
... é o vice... só mais nada.
lá ganha a medalhita de prata vê-se no pódio..
e como por magia desaparece...
ninguém fala do gajo... é no mínimo inglório..

Será que ficar atrás do primeiro e à frente do terceiro é assim tão mau?...

O Jack

abril 22, 2009

Porque sim...




Ser o primeiro a todo o custo...
Cansa... de verdade.

abril 21, 2009

Será????

Meio cheio e meio vazio...

é o único copo que temos, será que se estava melhor quando se estava pior??
será culpa do aquecimento global? do buraco do ozono?
das erupções solares, das marés vivas, dos tufões e furacões, terramotos e tsunamis?
Será culpa do arbitro ou do treinador?... se calhar é mesmo do fiscal de linha...ou será dos jogadores?
do euro? do do dolar?
ou do petroelo?
Ou das gasolineiras? É culpa do governo? ou será da oposição?

é da lua cheia? ou do verão que vai chegar?
Turistas que vão vir... ou não!!
é da crise? ou quando se gasta sem ter?
Será culpa do vizinho? ou do gajo que além vai a passar?
Será culpa do patrão que está sempre a reclamar... ou do tipo que falta todas as segundas feiras?
É culpa da Al'caeda, dos americanos, dos russos, do átomo, da guerra, de quem nada faz...
de quem quer fazer tudo mas não passa do papel.

de quem reclama, de quem tem cunhas ou mesmo culpa das cunhas,
de pessoas incompetentes, que tiram o lugar a gente desempregada...
de reformados por invalidez, e a trabalhar...
será culpa de quem não faz o seu dever...
afinal de quem é a culpa?

Meio cheio e meio vazio...é este o copo que temos...



O Jack

abril 06, 2009

Dar lustro aos Vermes....

Páh...
mas que se passa??
hã??!!!!!

Será que já não se diz o que se pensa?
será que as repostas têm que ser sempre a concordar?
Não se pode contrariar? dizer que não?
Porque raio tem que ser sempre aquele comentário politicamente
correcto??
Para ficar bem visto??
para dizer que é inteligente?? que é culto??
que quando à falta de argumentos se passa à acusação e humilhação?
Será que já não há convicções?? ideias?
e argumentos para as defender??

Claro que não, sendo ideias pré concebidas, que outros já pensaram
não há argumentos que valham..
Porque tem que se engraxar??
Porque raio temos nós que pensar com as ideias/palavras/pensamentos
Dos outros??

Se há alguma coisa que temos que provar é a nós mesmos
que se discordamos... ou concordamos tem que haver razões
nossas... não porque o vizinho do lado não concordou..
Estou farto de ver gente a dar lustro aos Vermes...

Sem foto sem vídeo e sem musica...

hoje estou de mau feito...

abril 04, 2009

E vai-se fazendo justiça..









HP Suíça devolve 392€ de Imposto Microsoft


Na Suíça conseguiu-se obter a devolução de Imposto Microsoft sobre um portátil da Hewlett-Packard totalizando 600 francos suíços, cerca de 392€.

Conta Jonathan Ernst que «após muitos emails e chamadas telefónicas com o departamento de reclamações, ainda não tinha recebido a quantia devida da devolução de licenças para software com as quais não concordava. Pior, diziam-me que não sabiam que era exibida uma End User License Agreement (EULA) quando se arrancava os seus PCs pela primeira vez (se isto não for má fé, não sei o que o será) e pediram-me que lhes enviasse uma cópia dos termos em questão».

Depois de muitas cartas trocadas sem qualquer sucesso, Jonathan decide emitir um ultimato: ou pagam, ou vamos a tribunal.

O administrador da HP Suíça responde de forma muito emotiva, mostrando-se muito sentido pela ameaça da via judicial, mas promete enviar um cheque no valor de 500 francos suíços.

Depois de recebido o cheque, Jonathan responde-lhe demonstrando a sua indignação pelo que teve de passar, terminando com o seguinte sumário:

«Quanto ao meu orgulho, por favor note que isto foi feito somente pelo princípio, e não para obter dinheiro. Para usufruir dos meus direitos e não pagar 20% a 30% do preço de um computador por software que não tenciono utilizar. Quem sabe um dia irá permitir aos seus clientes que escolham o software que pretendem ter pré-instalado (opt-in em vez de opt-out) nos seus computadores e tonar desnecessário este processo todo e a inconveniência que causou aos fabricantes e seus clientes.»

Bem dito.


Fonte